…Caverna d'Zion…

RELA-cionar…Ñ é Opção!É necessidade!

Posted in Artigos Pessoais by Segundo on abril 4, 2009

missaoDeus enquanto essência e suprema perfeição se relaciona através da trindade, o próprio Deus que se declara “Eu sou o que sou” não é um ser egocêntrico ou individualista. Esse Deus criador, o nosso Jeová, é um Deus que se relaciona primeiro com Ele mesmo… e quando falo isso estou me referindo à antes da criação “do mundo”, da humanidade! Não foi por um mero atos isolado que Deus disse “façamos o homem, a nossa imagem e semelhança”.

Nossa essência humana, enquanto feita a imagem e semelhança de Deus carrega o DNA de nosso Pai e dessa forma temos intrinsecamente a necessidade de nos relacionarmos tanto com Deus como principalmente com o nosso próximo. Entretanto esse relacionamento vai muito além da idéia de aglomeração que temos nas cidades ou nos grandes pólos onde vemos nas ruas dezenas, centenas e milhares de pessoas andando uma do lado da outro ou outro exemplo são os gigantescos conjuntos habitacionais de apartamento nos grandes centro urbanos.

casal1A graça que nos foi dada de nos relacionarmos não é opção ou muito menos uma decisão ela é uma necessidade, contudo nos foi dado a liberdade (o livre arbítrio) de decidirmos como fazemos disso ou o que fazemos com isso.

A palavra de Deus nos relata que “tudo que Deus faz tem um fim proveitoso” então cabe a pergunta: Que fim proveitoso existiria ao nos relacionarmos?

Tudo no nosso vida atual esta ligado ao relacionamento. Empresas investem pesado querendo tornar o relacionamento o mais próximo possível, pois sabe que quanto mais próximos os clientes estão maior a possibilidade de fidelização com a marca e com o produto e isso garante rentabilidade certa; todo o processo tecnológico esta firmada nessa raiz relacionametal, a internet hoje não somente é a maior ferramenta desse processo tecnológico como também é a que mais cresce, em outras palavras, anteriormente vc tinha que sair de casa para se relacionar com o seu próximo hoje não mais se precisa disso, com um simples click vc se relaciona com o outro lado do mundo é o chamado relacionamento virtual; tem se a tendência mundial dos governos de se aproximarem o máximo da população deixando de lado a burocratização para fazer um governo o mais democrático e republicano possível, procurando assim uma justiça e um equilíbrio sócio-político-econômico que só o relacionamento pode proporcionar; a própria família moderna tem tentado resgatar esse “perdido relacionamento” pois percebeu que na falta deste a própria família se torna uma instituição falida e sem propósito e tantos outros exemplos poderíamos citar para justificar que mais do que nunca a palavra relacionamento esta na “moda” moderna.

200068598-002Nem se precisa dizer então que o poder a influência do relacionamento é algo quase que decisivo na vida de um ser humano. Isso porque somente através do relacionamento podemos nos desenvolver em qualquer esfera seja econômica, social, espiritual ou em qualquer outra área da vida humana.

A palavra de Deus nos mostra que o fim proveitoso que existe ao nos relacionarmos é o progresso o desenvolvimento e a maturidade que se forma quase que de forma empírica no decorrer desse processo. Contudo, não é puramente o simples fato de nos relacionarmos que nos garante esse crescimento e desenvolvimento como resultante do processo.

Tem que se ter em mente que a qualidade desse relacionamento esta no que se pode “retirar” e “abstrair”. Não existe bons relacionamento que não se possa retirar algo de proveitoso e não existe mal relacionamento que também não se possa se aprender e apreender algo. Em outras palavras, de uma forma ou de outra se cresce, entretanto tem que se ter a perspicácia e a sensibilidade de se filtrar isso de cada relacionamento. Isso é totalmente pessoal e intransferível, essa capacidade nos difere uns dos outros e nos fazem cada dias pessoas mais diferentes uma das outras e nesse julgamento e atribuições de valores nem mesmo Deus interfere pois Ele mesmo que é o legislador desse processo de amadurecimento.

Que venhamos a ser responsáveis relacionamento-explosivopelos nossos relacionamentos e principalmente o que fazemos deles e com eles. Que a honra que nos foi dado por Deus de nos presentear de sermos pessoas diferentes (tomará que para melhores) seja também uma oportunidade de retribuir a Ele no mínimo a parte que nos compete que é de termos responsabilidade de fazer render essa dracma.

Anúncios

Perto da igreja, longe de Deus…

Posted in Artigos Pessoais by Segundo on fevereiro 4, 2009

Quanto mais Deus se faz presente na vida de uma pessoa, mas essa pessoa tem facilidade em relacionar-se com Ele. Mas não é uma facilidade ritualística, litúrgica ou mesmo dogmática… não é dessa facilidade que pessoas e instituições convencionam e instituem para falar de Deus na vida dela que estou falando… estou falando de algo que vai além da realidade racional, emocional ou simplesmente mística, tão disseminada hoje ao pregar ao evangelho.

O Evangelho que é pregado, diga-se de passagem, não pelo amor pelas almas, para que sejam libertas do julgo de escravidão, de não conhecerem a Verdade já revelada . Mas o evangelho pregado é enlatado ao gosto do cliente para gerar um vínculo de bem estar que proporcione ao cliente aliançar fielmente com uma instituição e se tornar partidário de um sistema que o ampare com um julgo “espiritual” leve… “e tudo isso por apenas 10% ao mês e mais algumas taxas de investimento… mais conhecidas como ofertas”… é…. parece ser bem barato esse “produto” que proporciona um ambiente saudável, mais do que muitos outro lugares, hum bem estar para toda a família, um lugar que eleva a estima do cliente, sem falar que hoje as portas estão abertas praticamente 24 horas, e não precisa gastar muito tempo só algumas horas por semana… contudo se não tiver jeito de ir a alguns de nossos estabelecimentos por causa da correria do dia-dia, não tem problema, basta você ligar a televisão ou o rádio ou acessar a internet nos estamos pertinho de você…

fariseusÉ triste percebermos que estamos nos tornado clientes e consumidores de sub-produtos de uma instituição chamada igreja (com “i” minúsculo)… isso é uma triste realidade… lembra dos saduceus, fariseusvê alguma semelhança!!!

Por falar nisso olha algumas frases máximas dos fariseus:

“A verdade é o selo de Deus”
“Mais que toda ação religiosa, Deus quer um coração puro”
“Toda oração deve ser precedida por um ato de caridade”
“Aquele que comete uma falta em segredo, nega a onipotência de Deus”
“Se Deus reserva a recompensa das boas ações para o mundo futuro é com o fim de que os homens ajam neste mundo por convicção e não por interesse”
“Sêde dos discípulos de Arão, amai a paz e sacrificai tudo para mantê-la”
“Não julgues teu próximo até que te encontres no lugar dele”
“Julgai todo mundo com indulgência”
“Não envergonhai o próximo em público, porque isso poderia custar-lhe a vida e seríeis um criminoso”
“Mais vale estar entre os perseguidos que entre os perseguidores”
“Não te metas em nenhum assunto do qual possa resultar condenado à morte ainda que culpado”
“Ditoso o homem que sai deste mundo, limpo e sem pecado, como entrou”
“Grande perigo é substituir Deus do coração por um coração de deus”

Como podemos perceber não é o que se prega muitas vezes que precisa se mudado, o que precisa ser mudado é como se prega isso e principalmente como se vive o que é pregado!!!!!!!!!

Religião deriva do termo latino “Re-Ligare”, que significa “religação” com o ser divino. Agora, eu te faço uma pergunta: Como podemos religar algo que ainda não foi ligado?